Afinal, vinagre é desinfetante?

 

O vinagre é frequentemente usado em tudo, da lavanderia até a limpeza doméstica.

E passou a ser consenso acreditar que o vinagre age como agente desinfetante, notadamente em tempos de pandemia do covid.

Segundo especialistas (fonte abaixo) o ácido acético  tem a capacidade de destruir bactérias e alguns vírus  mas é menos eficaz do que os desinfetantes comerciais.(álcool 70 e água sanitária)

 Alguns estudos mostraram que o vinagre tem propriedades antibacterianas quando se trata de matar bactérias nos alimentos durante a sua preparação. (*na limpeza de legumes e verduras na etapa da higienização  por exemplo).

O tempo de ação necessário para a ação do vinagre é maior do que o dos desinfetantes comerciais:  a eficácia de produtos de limpeza químicos e naturais, o vinagre de 6% foi antimicrobiano e diminuiu a presença de Staphylococcus aureus e E. coli. Mas não tão  eficazmente como  os desinfetantes mais comuns. E é necessário pelo menos meia hora de exposição ao vinagre para obter um grau de ação  desinfetante.
Assim, é melhor usar vinagre apenas para fins desinfetantes no contexto da preparação de alimentos. Não na limpeza  das superfícies como desinfetante.
Porque se recomenda o vinagre branco: o vinagre branco tende a ser o mais ácido, entre 4 a 7% de ácido acético e não tem corante daí a recomendação de uso fora da culinária.
A limpeza de vinagre não é adequada para superfícies com alto risco de contaminação de alimentos. São eles: tábuas de corte e prateleiras/gavetas na geladeira.
O vinagre pode ser usado em superfícies como vidro, janelas, paredes, armários, pisos, pias, cooktops e cafeteiras mas não como exclusivamente desinfetante. A ação do ácido acético é desincrustrante, desengordurante e  solta mais facilmente resíduos e sujeira mais resistente.

Comentários