Cozinhas americanas: fácil reformar e adaptar?

 

Vivemos uma onda de reformar casas e apartamentos e ampliar o espaço (?) unindo a cozinha à sala ou à área de convívio. Tem sido o sonho de muitas amigas e clientes.
Num prédio que visitei (uma construção dos anos 70, com quatro pavimentos e 70m² por unidade) quatro apartamentos implantaram o conceito.
Como a área de serviço é ligada à cozinha, o que se vê em três deles para além dos eletrodomésticos é roupa secando no varal. Apenas num deles a área foi fechada, com portas de vidro fosco, delimitando e preservando o espaço.
Isso reforça a necessidade de contar com um profissional competente que elabore um projeto adequado, vá além de simplesmente fazer um buraco na parede.

Em alguns imóveis parece na verdade que a sala encolheu. A mesa de jantar encostada no balcão  da cozinha empurra os sofás para a  porta de entrada e fica tudo muito espremido.

Além de seguir a tendência decorativa quem reforma um imóvel de planta tradicional parece não se preocupar em preservar o ambiente social e os dormitórios  dos  aromas e vapores da cozinha(*).  Numa área aberta investir num bom sistema de exaustão para o fogão é condição indispensável .

 

Manter a organização é essencial. Louça suja na pia, panelas sobre o fogão,  utensílios e alimentos sobre a bancada não combinam com o ambiente interativo.

 

Detalhe: área cozinha pode ser fechada com uma porta deslizante

Projetos publicados no Casa.com

 

(*) Sobre o assunto : gostei muito  do artigo da Carolina Mendes, publicado no De(coeur)ação da querida Viviane Pontes.

Comentários